web 2.0

TV Web

Carregando...

Confiança: a medida certa

"Assim diz o Senhor: Maldito o homem que confia no homem, e faz da carne o seu braço, e aparta o seu coração do Senhor! Porque será como a tamargueira no deserto, e não verá quando vem o bem; antes morará nos lugares secos do deserto, na terra salgada e inabitável. Bendito o homem que confia no Senhor, e cuja confiança é o Senhor.” 
Confiar na honestidade das pessoas, no conselho de um parente, na discrição de um amigo próximo ou mesmo em nossa própria esposa ou esposo é um ato perfeitamente normal e saudável, porém, difícil se torna quando uma dessas pessoas trai nossa confiança principalmente quando nos calunia ou afronta por motivos escusos.

Uma das características de Deus é que Ele é perfeitamente confiável e isso é um grande motivo para que todos aqueles que o servem tenham o mesmo caráter.
A Bíblia diz:
“Porque a palavra do Senhor é reta; e todas as suas obras são feitas com fidelidade.” (Sl 33:4 )
Assim sendo, é evidente que todo aquele que é leal ao Senhor é uma pessoa confiável, ao contrario, não seria um verdadeiro servo de Deus.
A Bíblia ainda diz no livro Efésios o seguinte:
“Antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo, do qual o corpo inteiro bem ajustado, e ligado pelo auxílio de todas as juntas, segundo a justa operação de cada parte, efetua o seu crescimento para edificação de si mesmo em amor.” (Ef 4:15-16 )
Assim sendo, cremos que um verdadeiro servo de Cristo, leal a Ele e que segue a verdade em amor, deva ser uma pessoa de confiança.
Vez por outra nos deparamos com circunstancias em nossos relacionamentos cotidianos com aqueles que nos cercam quando infelizmente nossa confiança é traída, porém, Jesus diz que devemos sempre perdoar os nossos irmãos e recebê-los com amor e nossa simplicidade deve ser acompanhada da prudência.
Amar nosso próximo não implica em nos entregarmos incondicionalmente e completamente a ele praticando uma confiança que na verdade não existe. Agir assim, sem duvida poderia estragar mais ainda nosso relacionamento que, ao contrario disso, se dirigido com amor, simplicidade e principalmente prudência poderemos andar juntos e o ajudarmos uns aos outros em momentos de dificuldade durante nossa caminhada para a Canaã celestial.
De nosso livro:
Obreiro aprovado: A excelência do ministério
Todos os direitos reservados - Lei nº 9.610 de 19/02/1998 - Reproduções dos textos somente com devida autorização do autor.
Facebook: http://www.facebook.com/prwaldex
Twitter: @prwaldex

1 comentários:

Swonkie disse...

Olá :) Enviamos um convite para o teu email. Caso não tenhas lá recebido poderás aceder à nossa plataforma em https://swonkie.com
Contamos contigo?